Fábrica da BMW no Brasil cria programa para reutilizar PVC

Objetivo do projeto Seal the Deal é reaproveitar resíduos de selante para usá-los na fabricação de outros produtos

A BMW está implantando um projeto na fábrica de Araquari (SC) para destinar resíduos de PVC (usado em selantes) para empresas que usam a matéria-prima na produção de outros produtos, como tapetes, carpetes, solas de sapato, cones de sinalização de trânsito e até barracas de acampamento. O programa Seal the Deal (selar o negócio, na tradução do inglês, um trocadilho com selante) tem o objetivo de incentivar a economia circular e práticas sustentáveis com parceiros locais.

O selante de PVC é um material usado durante o processo de pintura dos veículos produzidos na fábrica de Araquari. Os resíduos do produto já têm destinação sustentável, mas com o novo procedimento o material poderá ser reutilizado pelas empresas parceiras. O programa Seal the Deal é um dos vencedores de um desafio mundial proposto pela BMW global, com o objetivo de incentivar a inovação.

De acordo com o BMW Group Brasil, a implantação do Seal the Deal tem potencial para evitar a emissão de mais de 2,5 mil toneladas de CO2 na atmosfera por ano, além de reduzir o consumo de 15 milhões de litros de água. Além desse programa, a fábrica de Araquari conta com eletricidade proveniente de fontes renováveis, em linha com o objetivo global da empresa de reduzir em 20% a emissão de CO2 por veículo na cadeia produtiva, em 80% na produção e em 40% na utilização (ambos também por veículo).

Fonte: Automotive Business

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *