O novo tijolo tectônico

Blocos empilhados irregularmente emergem da fachada deste edifício residencial projetado pelo Muñoz Miranda Architects. Localizado na costa espanhola de Málaga e construído ao lado de uma chaminé preservada do início do século 20, o complexo de apartamentos faz alusão à atividade industrial que uma vez ocorreu na área.

O estúdio de arquitetura utilizou a chaminé do século 20 – único resquício de seu patrimônio industrial – como ponto de partida para o projeto. A fachada é feita de painéis de vidro reforçados com concreto que parecem ter sido empurrados e puxados como se tivessem sido esculpidos em argila.

No interior do edifício residencial, que é composto por 73 apartamentos, dois pátios são revestidos com chapas de PVC brancas onduladas para formar corredores de acesso a cada habitação. Eles são protegidos por uma clarabóia de vidro, inundando o espaço comum com a luz do sol e imitando os pátios externos que circundam a estrutura. Cada átrio está rodeado por um corredor aberto que dá acesso aos apartamentos em cada andar.

Informações Técnicas

Arquitetos: Muñoz Miranda Architects, Granada, Spain (http://munozmiranda.com/)

Local: Malaga, Espanha

Créditos das imagens: Javier Callejas Sevilla

Fonte: Wolderfulvinyl

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *