Instituto Nacional de Câncer adere a campanha de reciclagem de cartões de plástico

O INCA recebe coletor Papa Cartão®, que prepara os cartões para serem transformados em novos produtos.

Com o intuito de informar as pessoas que os plásticos são 100% recicláveis e que as boas práticas de consumo responsável e descarte adequado contribuem para a preservação do meio ambiente, o Instituto Nacional de Câncer (INCA) disponibiliza em sua sede, no Rio de Janeiro, um Papa Cartão®, coletor de cartões de plástico que tritura e armazena o material para destiná-lo à reciclagem. A entidade tem acumulado cartões de identificação de pacientes que passam pelo CEMO (Centro de Transplante de Medula Óssea) e encontrou no Papa Cartão® a solução para a destinação adequada dos cartões.

A iniciativa é fruto de uma parceria entre a fabricante de cartão e recicladora RS de Paula e o INCA através de Comissão de Gerenciamento de Resíduos, com o apoio do Instituto do PVC e da Plastivida.

Além dos cartões de identificação, diversos tipos de cartão como débito, crédito, seguro-saúde, fidelidade, telefônico, cartões-presente, bilhete único e outros, inclusive os que contêm chip e tarja magnética – podem ser depositados no equipamento.

Após serem triturados na máquina, os cartões são transformados em novos produtos, tais como porta-copos, placas de sinalização, caixas, marcadores de páginas, cartões de visitas, entre outros. “A reciclagem gera emprego e renda, além de trazer benefícios ambientais”, afirma, Renato de Paula, criador do Papa Cartão®.

Segundo o diretor-geral do INCA, Luis Fernando Bouzas, essa iniciativa deve ser multiplicada para que mais pessoas conheçam as possibilidades da reciclagem dos plásticos e passem a destinar esse tipo de material de forma correta. “O INCA apoia ações de boas práticas socioambientais, acreditando no benefício para toda a sociedade”, disse ele.

Para Miguel Bahiense, presidente do Instituto do PVC e da Plastivida, ações que levem às pessoas a informação correta sobre uso responsável e destinação adequada de resíduos, entre eles os plásticos, são de fundamental importância para a preservação do Planeta. “A reciclagem de cartões é um exemplo das ações que a cadeia produtiva dos plásticos realiza para promover a educação ambiental, visando o bem-estar social, a preservação ambiental e os benefícios econômicos”, afirma o executivo.

Segundo Bahiense, esta é a primeira entidade de saúde a implementar o programa para a destinação correta de cartões. “Esperamos que esta ação sirva como exemplo para a sociedade, pois a sustentabilidade permeia todas as áreas”, completa o executivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *